Suporte » Outros assuntos » Resultado de pesquisa orgânica Google do meu site

  • Pessoal, tenho um site e preciso ajustar a descrição do que aparece no google, exemplo, se vc digita Santander na barra de pesquisa do google aparece os resultados:
    título + descrição e logo abaixo nas duas colunas Internet banking + descrição , boletos + descrição, atendimento + descrição.

    Quando faço a busca no meu site tenho a mesma divisão de informações e gostara de alterar algumas, por exemplo, no caso do santander (se o site fosse meu) como eu poderia excluir e incluir outro titulo no lugar de internet banking e descrição.

    Isso é alguma configuração no WP? Há algum plugin pra isso?
    Alguém sabe como se monta essa pesquisa do google pra eu poder entender melhor porque ele pega algumas páginas?

    A página que eu preciso de ajuda: [fazer login para ver o link]

Visualizando 10 respostas - 1 até 10 (de um total de 10)
  • saudações @tiicaa,

    a indicação mais usada é o Yoast SEO. quando você cria/edita uma página/post, logo abaixo da caixa de edição há a seção do Yoast SEO. e você verá um botão chamado “Editar amostra”. aqui você poderá configurar esses dados que o Google mostra: o título (que aparece em ver no Google); o slug (que é a url que o Google mostra) e a descrição.

    inclusive algo bacana do Yoast é que tem uma barrinha abaixo da caixa onde você edita esses dados. se estiver laranja, significa que o conteúdo está menor do que o ideal. quando fica verde, significa que seu conteúdo está na quantidade de caracteres ideal.

    por favor, informe se isso ajuda a resolver a questão.

    Gassho (mãos em prece), Namaste (eu o saúdo)

    Criador do tópico tiicaa

    (@tiicaa)

    Oi @ralden

    Obrigada por responder, eu utilizo o Yoast SEO e vi essa opção, porém na pesquisa do google quero trocar o que aparece e o link ou seja, ao invés de aparecer título b +descrição e Link do site quero que outro post ou página com outro titulo apareça. OU seja, não trata-se de uma edição na página.

    Tentei ver porque aparece exatamente a descrição de 6 posts se isso seria por acessos, mas olhando meu RD algumas opções não aparece entre as mais acessadas entende. Não sei como o google monta isso na pesquisa.

    Espero que tenha conseguido explicar meu problema.

    • Esta resposta foi modificada 2 anos, 10 meses atrás por tiicaa.

    saudações @tiicaa,

    é o Google, então duvido que eles permitam isso de “quero que outro post ou página com outro titulo apareça”.

    para pesquisa paga, Google Ads, você controla todas essas informações. mas para pesquisa orgânica o Google mostra o que ele lê.

    se você quer tráfego para uma página/post específico, precisa obter links para essa página/post. e links “de valor”, ou seja, de portais com valor para o Google (PageRank) que incluam um link do que deseja. fora estar no Google Analytics e ter tráfego.

    nesses tempos modernos de Inteligência Artificial, acho bem improvável você ter chance de ter sucesso nisso.

    isso claro, pelo que eu entendi do que você deseja.

    Criador do tópico tiicaa

    (@tiicaa)

    saudações @ralden

    Pois é, eu imaginei que fosse um rank do google. É que a busca está dando destaque para postagens antigas e gostaria que desse prioridade as novas postagens ou páginas.

    Mas desde já lhe agradeço pela atenção. Valeu mesmo!!!

    Eu estou usando o Yoast mas vi que ele está acusando o uso de hierarquia de título h1 mas no meu post só tem um h1 porém parece ter um código no form que utiliza o texto tbém em h1 achei que ele só “pegasse” o que de fato foi escrito e não um código fonte.

    Valeuuu 🙂

    opa @tiicaa, agora você tocou em um ponto que pode lhe ajudar. sim, a tendência do Google é dar destaque, no caso de pesquisa orgânica para nós reles mortais com sites “comuns”, para postagens antigas, pois pelo tempo que está na rede já teve mais visualizações e até links em redes sociais e outros sites.

    MAAAAAS… use essas postagens antigas para destacar as novas postagens! insira um box, uma caixa de destaque na abertura de seu post antigo com o título e principalmente o link da postagem que quer destaque.

    CONTUDO considere que o post antigo e o novo tem relação. coloque, por exemplo, no topo do post antigo “Depois de ler esse artigo, sugiro também ler esse: [aí coloca título e link], e ao final do post antigo coloque [eu realmente acho que você deveria ver esse post aqui: [título e link]. se for o caso, coloque uma frase dizendo a relação entre os posts. pois o algoritmo do Google “percebe” essa conexão.

    com isso, se fizer essa conexão, seus post antigos, melhor ranqueados, vão puxar o valor dos post novos. isso você pode fazer!!!

    no mais sugiro, sugiro blog do Neil Patel, em português. o guru dá cada dica que pode ajudar muito. e ele sempre está antenado no futuro, o que é importante, pois com o Google o que funcionava ontem pode não funcionar mais hoje.

    boa sorte!!!

    Gassho (mãos em prece), Namaste (eu o saúdo)

    Criador do tópico tiicaa

    (@tiicaa)

    Valeuuuu pela dica @ralden

    Vou já olhar a sugestão.

    Obrigada 🙂

    Olá @tiicaa, @ralden,

    O resultado de busca com o Santander é resultado de “dados estruturados”, que podem ser incluídos no site por um programador ou por meio de um plugin.

    O Yoast SEO na versão gratuita não oferece este recurso, mas eles têm um plugin pago para fazer isso chamado Local SEO for WordPress, bem como um blog post que detalha como fazer.

    Eles também criaram recentemente, dentro do Yoast SEO, um bloco Gutenberg que adiciona dados estruturados em posts sobre “dúvidas frequentes” ou “como fazer”.

    O Google tem muito material sobre dados estruturados, mas talvez a solução mais fácil seja achar um plugin gratuito no repositório que faça isso por você.

    sim, a tendência do Google é dar destaque, no caso de pesquisa orgânica para nós reles mortais com sites “comuns”, para postagens antigas

    @ralden, na verdade essa é, a meu ver, uma falha do Google que afeta também os grandes sies, e não somente os dos “reles mortais” como nós. Por exemplo, tenho muitas vezes grande dificuldade em pesquisar alguma coisa sobre algo mais técnico, porque invariavelmente os posts que aparecem nas primeiras páginas são todos de 2016 para trás, às vezes bem para trás! Por exemplo, se vc quer encontrar como fazer algo com htaccess, aparece um monte de tópicos nos stackexchanges da vida, mas os tópicos mais recentes dificilmente são mostrados com o devido destaque, ainda que o Apache tenha tido atualizações que tornem os tópicos antigos, que já tiveram zilhões de visualizações, obsoletos. Então a gente acaba clicando no tópico antigo, na esperança que alguma resposta nova tenha sido postada que aponte para a solução mais recente. Mas, ao fazê-lo, estamos reforçando a ideia do Google de que o tópico antigo e já obsoleto “resolve” o problema de que fez a busca 🙁

    grande @cbrandt! tudo bem?

    olha, na minha humilde opinião, de quem NÃO é autoridade no assunto, eu acho que dois fatores interferem para essa questão da indexação do Google, não bem uma falha deles, mas talvez um problema das pessoas que produzem conteúdo em português.

    e, claro, explico meu argumento:

    são VÁRIOS os fatores que afetam um bom ranqueamento na pesquisa orgânica. inclusive velocidade de carregamento (onde o povo, no Brasil, usa servidor compartilhado nos Estados Unidos, ou seja, lentidão e mau ranqueamento…), uso de HTTPS (ainda tem gente usando HTTP e servidor com PHP 5.4 e 5.5…), tráfego no site (Hello Google Analytics!).

    na boa, o tanto de gente que vejo que não entende como certos pontos afetam um site, achando que é só instalar um software gratuito (WordPress) no servidor mais barato possível e pronto. no Brasil, nossa cultura do barato, de preferência pirata ou gratuito, afeta o ranqueamento no Google.

    empresas querem ter alto tráfego orgânico sabem que precisam investir. e o Google recompensa justamente esse investimento, através de:

    – uso de Ads (Google Ads, Facebook Ads), que gera tráfego pago, mas, ao mesmo tempo, esse tráfego pago, se a pessoa trabalha de forma correta no Google Analytics (e no WordPress tem plugin gratuito de qualidade TOP para isso), o Google entende que aquele site e postagem tem visibilidade e coloca na pesquisa orgânica aquele site nos primeiros resultados. vejo muito nas minhas pesquisas em inglês o quanto os primeiros e segundo resultados na pesquisa orgânica por vezes também estão no Google Ads. “você colhe o que planta…”. mas na cultura do “sempre grátis” de alguns, o Google não percebe tráfego e não dá visibilidade. e olha que você pode investir R$5,00/dia no Facebook Ads e o Google Meu Negócio oferece cupons em que você investe X e o Google te dá X de crédito… primeira página do Google pede investimento ou paciência de meses ou anos…

    – DNS de qualidade. coisa que tem gratuita via Cloudflare. mas o povo usa os DNS de servidor compartilhador, como Hostgator e similares, nos EUA. DNS é o primeiro gargalo, se ele é lento, o Google já “torce o nariz”.

    – Hospedagem no Brasil é mais rápida. Não quer investir em um servidor no Brasil? (Google Cloud dá 1 ano grátis, por enquanto…) Então CDN com servidores no Brasil. Também não quer investir? Então tá, né Google…

    Fora Cache, AMP, compressão Brolin e mais uma dúzia de “parafernália” técnica. Ai a pessoa diz “Ah, eu só quero um site nas primeiras páginas do Google”. Então ou pago caro um especialista ou agência que vai justamente fazer toda essa parafernália técnica. Ou vai estudar (e o pior que o Google tem curso e documentação para isso, fora o blog do Neil Patel, em português!).

    Claro que ai podemos culpar o Google por isso. Mas acho que o que o Google tenta é valorizar quem faz a lição e promove o melhor conteúdo possível na web. Quem produz conteúdo tem que investir: ou dinheiro em soluções que deem resultados ou estudar e fazer toda a TRABALHEIRA que é SEO.

    por isso falo nos sites de nós, meros mortais. quando eu vejo o preço MENSAL do Semrush e sei quantos clientes eles tem, eu fico besta… eu entrei em contato com o Contentools Brasil para ver o preço da solução deles e melhorar meu trabalho em redes sociais, me passaram que é a partir de R$13.000,00/ano. Nesse meu momento profissional eu não tenho capital pra isso… Então invisto $29.00 dólares no Sendible, que tem gente que diz que é uma fortuna pagar tudo isso.

    por fim, quando pesquiso em inglês para responder tópicos do Fórum, raramente eu pego resultados anteriores a 2018. ou seja, os gringos estão fazendo a lição. e nisso eu admiro o Kinsta, pois eu pesquiso em inglês e o resultados deles é em português, quando eles tem o artigo em português. outra “parafernália” técnica: os schema. mas quem usa e sabe usar ranqueia até em outro idioma.

    SEO é um mundo. e um inferno, pois tem que dedicar quase mais tempo ao SEO do que a construir um site com o Elementor PRO. mas se você quer estar ranqueado na primeira página no todo-poderoso semi-dono quase “Big Brother” da web que é o Google, é isso ou ter dinheiro para gastar. por isso falei que nós, meros mortais, sofremos algo que as grandes corporações não sofrem. podem sofrer as brasileiras, que são afetadas por essas cultura do buscar o “mais-barato-de-preferência-gratuito”. mas corporações que sabem o valor e o retorno financeiro de estar nos primeiros resultados do Google investem dezenas de milhões… para faturarem milhares de milhões, quando não bilhões.

    na minha opinião, claro.

    abraços!!!

    Gassho (mãos em prece), Namaste (eu o saúdo)

    Grande @ralden!

    Sempre bom ver suas opiniões bem informadas e sempre muito bem argumentadas!

    Concordo com o q vc disse, o investimento maior tem que ser em SEO, q realmente compensa. A minha colocação se referiu somente a algumas buscas de conteúdo “datado”, já obsoleto, que deveria cair no ranking do Google, mas, por algum motivo, eu noto que persiste. Mas são observações pessoais, sem base científica nenhuma.

    Saudações fraternas,
    CB

Visualizando 10 respostas - 1 até 10 (de um total de 10)
  • O tópico ‘Resultado de pesquisa orgânica Google do meu site’ está fechado para novas respostas.