WordPress 5.3.2 – Atualização de manutenção

O WordPress 5.3.2 já está disponível!

Esta versão de manutenção traz 5 correções e melhorias.

O WordPress 5.3.2 é uma versão de manutenção de ciclo curto. O próximo grande lançamento será a versão 5.4.

Você pode baixar o WordPress 5.3.2 clicando no botão na parte superior desta página ou ir em Painel → Atualizações e clique em Atualizar agora.

Sites com suporte a atualizações automáticas em segundo plano já começaram a se atualizar.

Atualizações de manutenção

Logo depois do lançamento da versão 5.3.2 do WordPress, alguns tickets bem relevantes foram abertos no Trac, e a equipe de desenvolvimento decidiu lançar esta pequena versão de manutenção para resolver essas questões.

Principais pontos resolvidos na versão 5.3.2:

  • Data/hora: garante que a função get_feed_build_date() manipula corretamente um objeto de post modificado com data inválida.
  • Envio de arquivos: corrige o conflito no nome do arquivo em  wp_unique_filename() ao subir um arquivo com a extensão com letras maiúsculas em um sistema de arquivos não sensível para letras maiúsculas e minúsculas.
  • Mídia: corrige os avisos do PHP em wp_unique_filename() para casos onde o diretório de destino é ilegível.
  • Administração: corrige as cores em todas as paletas para botões com a class .active.
  • Posts e tipos de posts: ao verificar a data do post para publicá-lo ou agendá-lo em wp_insert_post(), usa o intervalo correto para a comparação.

Para obter mais informações, navegue na lista completa de alterações no Trac ou consulte a página de documentação da versão 5.3.2 no HelpHub.

Agradecimentos

Agradecemos a todas as pessoas que contribuíram para o WordPress 5.3.2:

Andrew OzzAndrey “Rarst” SavchenkoDion hulseeden159Jb AudrasKelly DwanPaul BironSergey BiryukovTellyworth.

State of the Word: A história dos slides

Durante o State of the Word no WordCamp US 2019, Matt Mullenweg compartilhou que o Gutenberg foi usado para criar seus slides e a apresentação foi desenvolvida com o plugin Slides. Usar o WordPress para alimentar uma apresentação com slides não é uma escolha óbvia, portanto, queríamos mostrar o processo e dar algumas dicas para criar slides usando o Gutenberg.

Este post foi escrito por Ella e Tammie, que (juntamente com Mel, Mark, Enrique, Q e um elenco de apoiadores) ajudaram a criar o slide de apresentação do State of the Word deste ano.

Como começou

Ella Van Durpe foi selecionada para falar no JSConf e ReactEurope e precisava de slides para sua apresentação.

No passado, ela usava o Reveal.js para criar slides e desfrutava da liberdade de criar qualquer coisa usando HTML, CSS e JavaScript. Essas linguagens eram confortáveis, familiares e também podem ser publicadas na Web em seu formato nativo.

Para essas novas apresentações, ela queria usar o Reveal.js novamente, mas não queria escrever todo o HTML manualmente. Criar blocos de conteúdo visualmente, sem precisar escrever nenhum código, que possa ser publicado nativamente na Web, é exatamente para o que o Gutenberg foi criado.

O protótipo do plugin foi criado rapidamente, com estilos codificados nos slides e zero opções. No final de cada apresentação, Ella compartilhou uma breve demonstração dos slides baseados no Gutenberg e o público ficou surpreso.

Quando o WordCamp US se aproximou, Ella sugeriu que seu plugin fosse usado para o State of the Word. Como foi um sucesso tão grande com os membros de sua audiência, parecia que essa seria uma ótima chance de compartilhá-lo com a comunidade do WordPress como um todo.

Como funciona

Informações técnicas

O plugin registra um tipo de post personalizado chamado “Apresentação” e um novo bloco “Slide”. O bloco de slides é uma espécie de bloco “Grupo” aprimorado, restrito à raiz do post, mas você pode colocar qualquer outro bloco dentro dele. Como resultado, você tem um post preenchido apenas com slides na raiz e slides com conteúdo. Isso mapeia perfeitamente a marcação Reveal.js, que requer conteúdo nos elementos da seção HTML.

Como esses slides têm design próprio, os estilos de tema são desativados e o estilo é definido em cada slide. Um modelo de apresentação personalizado é fornecido pelo plugin para renderizar o post personalizado no front-end.

Ella adicionou opções para estilizar os slides. Por exemplo, ela adicionou opções para controlar o plano de fundo e a fonte do slide, tanto no nível do documento quanto no nível do slide individual. Ela também adicionou as opções Reveal.js, que permitem alterar o estilo e a velocidade da transição. Por fim, ela adicionou um campo CSS personalizado para permitir a substituição de estilos.

Para o State of the Word, ela também adicionou anotações do orador e uma visualização do orador.

Como foi projetado

A inspiração para os designs de slides veio das capas dos álbuns Blue Note (que também foram a inspiração para os slides do State of the Word de 2011). Essas capas de álbuns inspiraram a recente página “Sobre” do WordPress e o conteúdo inicial do novo tema Twenty Twenty. Esse estilo consiste em formas geométricas fortes e formas simples com linhas limpas. Fotografia e tipografia arrojada estão no centro desse visual.

Várias paletas de cores e pareamentos de fontes foram explorados antes de selecionar a melhor combinação para a apresentação.

Foi necessário um forte elemento fotográfico para os slides. Os WordCamps anteriores são uma ótima fonte de fotos, então pesquisamos em galerias de vários anos para encontrar as fotos certas. Com cores, fontes e fotos, lançamos as bases para construir o conjunto de slides.

Dicas para criar slides no Gutenberg

Dica #1: As colunas são suas amigas

Se você deseja slides com um layout preciso, use colunas. Como você pode ver aqui, usamos um layout de 3 colunas para centralizar o conteúdo em um slide:

Dica #2: Blocos espaçadores são úteis

Deseja realmente desbloquear o poder das colunas? Combine-as com o bloco espaçador! Usamos blocos espaçadores para posicionar o conteúdo sobre as imagens de fundo, como neste slide:

Dica #3: Teste em telas grandes

É importante visualizar e testar seus slides conforme você avança. Certifique-se de projetar para o tamanho e a proporção do projetor que você usará e faça uma verificação visual no modo de apresentação de tempos em tempos.

Dica #4: Confira seus vídeos

Um bom vídeo de demonstração é essencial para mostrar novos recursos. Joen Asmussen tem um ótimo post sobre a criação de vídeos de demonstração eficazes (em inglês).

Lições aprendidas

Eu adoraria tornar as composições direcionadas à arte mais fáceis de criar.

Mel Choyce-Dwan

Uma grande melhoria, à medida que Gutenberg evolui, é que a direção de arte ficará mais fácil. Mesmo com as melhorias deste ano, a criação de alguns layouts com o Gutenberg foi mais complicada do que o esperado. Para as composições mais complicadas, contamos com SVGs. Eventualmente, a necessidade de soluções alternativas deixará de existir e um novo mundo de possibilidades interessantes será aberto a todos.

Os navegadores ofereceram um dos nossos maiores aprendizados nesta apresentação, mais do que ofereceriam se você usasse o Keynote ou o PowerPoint, por exemplo (ferramentas que a maioria de nós já usou). Frequentemente, descobrimos que o que criamos no editor variava quando visualizado em tela cheia. Conseguimos atenuar isso atualizando o plugin para usar um tamanho fixo, em vez de usar a janela inteira do navegador.

Resumindo

Se você quiser conferir o State of the Word, assista ao vídeo (em inglês) e leia tudo sobre ele em um post (em inglês).

O plugin Slides está disponível no repositório de plugins, e você também pode obter o código no GitHub e ajudar na tradução.

WordPress 5.3.1 – Atualização de segurança e manutenção

O WordPress 5.3.1 já está disponível!

Esta versão de segurança e manutenção possui 46 correções e aprimoramentos. Além disso, foram feitas várias correções de segurança, saiba mais na lista abaixo.

O WordPress 5.3.1 é uma versão de manutenção de ciclo curto. O próximo grande lançamento será a versão 5.4.

Você pode baixar o WordPress 5.3.1 clicando no botão na parte superior desta página ou ir em Painel → Atualizações e clique em Atualizar agora.

Sites com suporte a atualizações automáticas em segundo plano já começaram a se atualizar.

Atualizações de segurança

Quatro problemas de segurança afetam as versões 5.3 e anteriores do WordPress. A versão 5.3.1 os corrige após a atualização. Se você ainda não atualizou para a versão 5.3, também existem versões atualizadas do 5.2 e anteriores que corrigem os problemas de segurança.

  • Agradecemos ao Daniel Bachhuber por encontrar um problema em que um usuário sem privilégios poderia tornar um post fixo por meio da API REST.
  • Agradecemos ao Simon Scannell, da RIPS Technologies, por encontrar e comunicar um problema com a execução de scripts de outros sites (XSS, do inglês Cross-Site Scripting) armazenados em links.
  • Agradecemos à equipe de segurança do WordPress.org por trabalhar na função wp_kses_bad_protocol() melhorando o tratamento de atributos com dois-pontos (:).
  • Agradecemos ao Nguyen O Duc por descobrir uma vulnerabilidade de XSS armazenada usando o conteúdo do editor de blocos.

Atualizações de manutenção

Aqui estão alguns dos destaques:

  • Administração: Aprimoramentos no formulário do administrador que controlam a padronização de altura e alinhamento (consulte a nota do desenvolvedor relacionada), a acessibilidade dos links do widget do painel e os problemas de legibilidade do esquema de cores (consulte a nota do desenvolvedor relacionada).
  • Editor de bloco: Correção de problemas de rolagem do navegador Edge e problemas intermitentes de JavaScript.
  • Temas incluídos no pacote: Adição de opção no Personalizar para mostrar ou esconder a biografia do autor, substituição da rolagem suave baseada em JS por CSS (consulte a nota do desenvolvedor relacionada) e correção do CSS incorporado do Instagram.
  • Data / hora: Melhoria no cálculo de datas que não são GMT, correção no formato de data em idiomas específicos e alterações na função get_permalink(), tornando-a mais flexível às alterações do fuso horário do PHP.
  • Mídias incorporadas: remoção do CollegeHumor, pois o serviço não existe mais.
  • Bibliotecas externas: Atualização da biblioteca sodium_compat.
  • Diagnóstico: Possibilidade de alteração do intervalo de lembrete para a verificação de e-mail do administrador através de filtro.
  • Envio de arquivos: Prevenção da substituição de outros arquivos por miniaturas geradas automaticamente quando arquivos têm o mesmo nome e exclusão das imagens PNG do redimensionamento após o envio.
  • Usuários: Verificação de e-mail do administrador passa a usar o idioma do usuário em vez do idioma do site.

Para obter mais informações, navegue na lista completa de alterações no Trac ou consulte a página de documentação da versão 5.3.1 no HelpHub.

Agradecimentos

Além dos pesquisadores de segurança mencionados acima, agradecemos a todos que contribuíram para o WordPress 5.3.1:

123host, acosmin, Adam Silverstein, Albert Juhé Lluveras, Alex Concha, Alex Mills, Anantajit JG, Anders Norén, andraganescu, Andrea Fercia, Andrew Duthie, Andrew Ozz, Andrey “Rarst” Savchenko, aravindajith, archon810, Ate Up With Motor, Ayesh Karunaratne, Birgir Erlendsson (birgire), Boga86, Boone Gorges, Carolina Nymark, Chetan Prajapati, Csaba (LittleBigThings), Dademaru, Daniel Bachhuber, Daniele Scasciafratte, Daniel Richards, David Baumwald, David Herrera, Dion hulse, ehtis, Ella van Durpe, epiqueras, Fabian, Felix Arntz, flaviozavan, Garrett Hyder, Glenn, Grzegorz (Greg) Ziółkowski, Grzegorz.Janoszka, Hareesh Pillai, Ian Belanger, ispreview, Jake Spurlock, James Huff, James Koster, Jarret, Jasper van der Meer, Jb Audras, jeichorn, Jer Clarke, Jeremy Felt, Jip Moors, Joe Hoyle, John James Jacoby, Jonathan Desrosiers, Jonny Harris, Joost de Valk, Jorge Costa, Joy, Juliette Reinders Folmer, justdaiv, Kelly Dwan, Kharis Sulistiyono, Kite, kyliesabra, lisota, lukaswaudentio, Maciej Mackowiak, marcelo2605, Marius L. J., Mat Lipe, mayanksonawat, Mel Choyce-Dwan, Michael Arestad, miette49, Miguel Fonseca, mihdan, Mike Auteri, Mikko Saari, Milan Petrovic, Mukesh Panchal, NextScripts, Nick Daugherty, Niels Lange, noyle, Ov3rfly, Paragon Initiative Enterprises, Paul Biron, Peter Wilson, Rachel Peter, Riad Benguella, Ricard Torres, Roland Murg, Ryan McCue, Ryan Welcher, SamuelFernandez, sathyapulse, Scott Taylor, scvleon, Sergey Biryukov, sergiomdgomes, SGr33n, simonjanin, smerriman, steevithak, Stephen Bernhardt, Stephen Edgar, Steve Dufresne, Subrata Mal, Sultan Nasir Uddin, Sybre Waaijer, Tammie Lister, Tanvirul Haque, Tellyworth, timon33, Timothy Jacobs, Timothée Brosille, tmatsuur, Tung Du, Veminom, vortfu, waleedt93, williampatton, wpgurudev e Zack Tollman.

WordPress 5.2.4 – Errata

Notícias de última hora sobre a versão 5.2.4 (atualização de segurança), que foi lançada em 14 de outubro. Quando publicamos, esquecemos de adicionar o agradecimento para Simon Scannell da RIPS Technologies por encontrar e informar um problema com a exploração de diretórios e arquivos que poderia levar a uma execução remota de código.

Simon sempre fez um reconhecido ótimo trabalho dentro do projeto WordPress, e não ter atribuído o reconhecimento merecido foi um grande erro do nosso lado.

Agradecemos a todas as pessoas por comunicarem de forma privada qualquer vulnerabilidade permitindo que tivéssemos tempo de preparar uma correção antes de os sites WordPress serem atacados.

WordPress 5.3 “Kirk”

Apresentando nossa experiência de usuário mais refinada com o editor de blocos aprimorado no WordPress 5.3! Nomeada “Kirk” em homenagem ao multi-instrumentista de jazz Rahsaan Roland Kirk, a melhor e mais recente versão do WordPress está disponível para baixar ou atualizar em seu painel.

A versão 5.3 expande e aprimora o editor de blocos com interações mais intuitivas e acessibilidade aprimorada. Novos recursos no editor aumentam a liberdade de design, fornecem opções adicionais de layout e variações de estilo para permitir que os designers tenham mais controle sobre a aparência de um site.

Esta versão também apresenta o tema Twenty Twenty, dando ao usuário mais flexibilidade de design e integração com o editor de blocos. Criar belas páginas da web e layouts avançados nunca foi tão fácil.


Melhorias no editor de blocos

Esta atualização focada em aprimoramentos apresenta mais de 150 novos recursos e melhorias de usabilidade, incluindo um suporte melhorado para imagens grandes durante o envio de fotos não otimizadas e de alta resolução, tiradas por um smartphone ou de outras câmeras de alta qualidade. Combinadas com tamanhos maiores de padrões de imagens, as fotos sempre ficam melhores.

As melhorias de acessibilidade incluem a integração de estilos de editor de bloco na interface administrativa. Esses estilos aprimorados corrigem muitos problemas de acessibilidade: contraste de cores nos campos e botões do formulário, consistência entre as interfaces do editor e do administrador, nova barra de avisos, padronização para o esquema de cores padrão do WordPress e a introdução do Motion para tornar a interação com seus blocos mais rápida e natural. Para pessoas que usam um teclado para navegar no painel, o editor de blocos agora tem um modo de navegação. Isso permite que você pule de bloco em bloco sem tabular todas as partes dos controles do bloco.


Flexibilidade de design expandida

O WordPress 5.3 adiciona ferramentas ainda mais robustas para criar designs incríveis.

  • O novo bloco de grupo permite que você divida sua página em seções coloridas;
  • O bloco de colunas agora suporta largura fixa de colunas;
  • Os novos layouts predefinidos facilitam a organização do conteúdo em designs avançados;
  • Os blocos de títulos agora oferecem controles para cor do texto;
  • Opções de estilo adicionais permitem definir seu estilo preferido para qualquer bloco que suporte este recurso

Apresentando o Twenty Twenty

Enquanto o editor de blocos comemora seu primeiro aniversário, estamos orgulhosos de que o Twenty Twenty tenha sido projetado com flexibilidade em seu núcleo. Exiba seus serviços ou produtos com uma combinação de colunas, grupos e blocos de mídia. Defina seu conteúdo como alinhamento amplo ou total para layouts dinâmicos e envolventes. Ou deixe seus pensamentos serem a estrela com uma coluna de conteúdo centralizada!

Como convém a um tema chamado Twenty Twenty, clareza e legibilidade também são um grande foco. O tema inclui o tipo de letra Inter, criado pelo designer Rasmus Andersson. Inter vem em uma versão de fonte variável, a primeira para temas padrões, que mantém o tempo de carregamento curto, contendo todos os pesos e estilos do Inter em apenas dois arquivos de fonte.


Melhorias para todos

Rotação automática de imagem

Suas imagens serão rotacionadas corretamente após o envio, de acordo com os dados de orientação incorporados. Esse recurso foi proposto pela primeira vez há nove anos e possibilitado pela perseverança de muitos colaboradores dedicados.

Diagnóstico do site

As melhorias introduzidas no 5.3 tornam ainda mais fácil identificar problemas. As recomendações foram expandidas na tela de Diagnóstico, destacando áreas do seu site que podem precisar de atenção.

Verificação de e-mail do administrador

Periodicamente, ao acessar como administrador, você será solicitado a confirmar que seu endereço de e-mail está atualizado. Isso reduz a chance de você ficar fora do seu site se você alterar seu endereço de e-mail.


Para desenvolvedores

Correções no componente de data/hora

Desenvolvedores agora podem trabalhar com datas e fusos horários de uma maneira mais confiável. As funcionalidades de data e hora receberam várias novas funções de API para recuperação unificada de fuso horário e interoperabilidade do PHP, além de muitas correções de erros.

Compatibilidade com o PHP 7.4

O WordPress 5.3 tem como objetivo ser totalmente compatível com o PHP 7.4. Este lançamento contém algumas mudanças para remover funcionalidades obsoletas e garantir a compatibilidade. O WordPress recomenda que todos os usuários continuem utilizando as versões mais recentes do PHP.

O esquadrão

Este lançamento foi liderado por Matt Mullenweg, Francesca Marano e David Baumwald. Eles foram entusiasticamente apoiados por um grande esquadrão de lançamento:

  • Parte técnica do editor: Riad Benguella (@youknowriad)
  • Designer do editor: Mark Uraine (@mapk)
  • Parte técnica dos arquivos básicos: Andrew Ozz (@azaozz)
  • Coordenador de Documentação: Justin Ahinon (@justinahinon)
  • Marketing e comunicação: Mike Reid (@mikerbg)
  • Mídia: Mike Schroder (@mikeschroder)
  • Acessibilidade: JB Audras (@audrasjb)
  • Coordenador do tema padrão: Ian Belanger (@ianbelanger)
  • Designer do tema padrão: Anders Norén (@anlino)

Ao longo do ciclo de lançamento de doze semanas, juntou-se ao esquadrão 645 generosos colaboradores voluntários (nosso maior grupo de colaboradores até o momento) que coletivamente corrigiram 658 erros.

Deixe rolar um som do Rahsaan Roland Kirk no seu serviço de música favorito e dê uma olhada em alguns dos perfis:

123host, 1994rstefan, 5hel2l2y, @irsdl, Aaron D. Campbell, Aaron Jorbin, Aashish S, Abhijit Rakas, abrightclearweb, acalfieri, acosmin, Adam Silverstein, Adam Soucie, Adhitya Rachman, ahdeubzer, Ahmad Awais, Ajay Ghaghretiya, Ajit Bohra, ajlende, Akira Tachibana, albertomake, Alex Concha, Alex Dimitrov, Alex Lion, Alex Sanford, Alexander Botteram, Alexandre D’Eschambeault, Alexandru Vornicescu, alexeyskr, alextran, Ali Ayubi, allancole, Allen Snook, Alvaro Gois dos Santos, Amanda Rush, amolv, Anders Norén, Andrea Fercia, Andrea Gandino, Andrea Grillo, Andrea Middleton, Andreas Brain, Andrei Draganescu, Andrew Duthie, Andrew Nacin, Andrew Nevins, Andrew Ozz, Andrew Taylor, Andrey Savchenko, Andrés Maneiro, Andy Fragen, Andy Meerwaldt, Angela Gibson, Anh Tran, anischarolia, Anthony Burchell, Anton Timmermans, Apermo, Arafat Rahman, arena, Ari Stathopoulos, Arun Sathiya, Asad, asadkn, Ashar Irfan, ashwinpc, Aslam Shekh, atlasmahesh, au87, Aubrey Portwood, augustuswm, Aurooba Ahmed, Avina Patel, Axel DUCORON, Ayesh Karunaratne, backermann1978, Bartosz Romanowski, Bego Mario Garde, Benjamin Intal, Benjamin Zekavica, bennemann, bgermann, Bhaktii Rajdev, bibliofille, Biranit, Birgir Erlendsson, bitcomplex, BjornW, boblinthorst, Boone Gorges, Boro Sitnikovski, Bradley Jacobs, Bradley Taylor, Brandon Kraft, Brent Swisher, Bronson Quick, bsetiawan88, Burhan Nasir, Carlos Bravo, Carolina Nymark, Catalin Dogaru, Cathi Bosco, Chandra Patel, Charlie Merland, Chetan Prajapati, Chetan Satasiya, Chico, Chintan hingrajiya, ChriCo, Chris Aprea, Chris Van Patten, Christian Chung, Christian Wach, christianoliff, Christoph Herr, cleancoded, cmagrin, codesue, CompileNix, Corey Salzano, courtney0burton, Cristiano Zanca, Csaba (LittleBigThings), D.S. Webster, daleharrison, Dan Foley, Dan Jones, DanBUK, Daniel Bachhuber, Daniel Jalkut (Red Sweater), Daniel James, Daniel Llewellyn, Daniel Richards, danieliser, daniloercoli, Danny van Kooten, Darren Ethier, darthhexx, Dave Parker, Dave Smith, Dave Whitley, davetgreen, David Aguilera, David Anderson, David Binovec, David Binovec, David Decker, David Herrera, David Rozando, David Shanske, daxelrod, Debabrata Karfa, Deni, Denis Cherniavsky, Denis Yanchevskiy, Dennis, Dennis Hipp, Dennis Snell, Derek Sifford, derweili, dfangstrom, Dharmin Shah, Dhaval kasavala, dhuyvetter, Diane Co, DiedeExterkate, Diego La Monica, digitalapps, Dilip Bheda, Dima, dingo-d, Dion Hulse, Dixita Dusara, Dominik Schilling, Drew Jaynes, Dukex, dushanthi, EcoTechie, Edi Amin, Eduardo Toledo, Ella van Durpe, Elliot Condon, Emerson Maningo, Emil Dotsev, Emil Uzelac, Enrique Piqueras, Enrique Sánchez, erikkroes, estelaris, evalarumbe, faazshift, Fabian Kägy, fblaser, Felipe Elia, Felix Arntz, Fencer04, flipkeijzer, Florian TIAR, Foysal Remon, Gal Baras, Garrett Hyder, Garth Mortensen, Gary Jones, Gary Pendergast, Gaurang Dabhi, Gennady Kovshenin, Gesundheit Bewegt GmbH, ghoul, girlieworks, glauberglauber, Glenn, GravityView, gregsullivan, Grzegorz Ziółkowski, gwwar, Hardeep Asrani, Hardik Thakkar, hardipparmar, Hareesh Pillai, Hareesh Pillai, harryfear, harshbarach, haszari, He Yifei, Helen Hou-Sandi, Henry Wright, herbmiller, herregroen, hirofumi2012, HKandulla, Howdy_McGee, hoythan, Hugh Lashbrooke, hypest, Ian Belanger, Ian Dunn, ianmjones, Igor Zinovyev, imath, Imran Sayed, intimez, Ipstenu (Mika Epstein), iqbalbary, Irene Strikkers, Isabel Brison, Ismail El Korchi, J.D. Grimes, jagirbaheshwp, Jake Spurlock, Jalpa Panchal, James Nylen, jameslnewell, janak Kaneriya, Janki Moradiya, janw.oostendorp, jared_smith, jarocks, Jarret, jave.web, javorszky, Jay Swadas, Jaydip, Jean-Baptiste Audras, Jeff Farthing, Jeff Paul, jeichorn, Jen Miller, jenkoian, Jeremy Felt, Jesper van Engelen, Jessica Lyschik, jffng, jikamens, jitendrabanjara1991, jkitchen, jmmathc, joakimsilfverberg, Job, jodamo5, Joe Dolson, Joe Hoyle, Joe McGill, Joen Asmussen, John Blackbourn, John James Jacoby, John Regan, jojotjebaby, Jonathan Champ, Jonathan Davis, Jonathan Desrosiers, Jonathan Goldford, Jonny Harris, Jono Alderson, Joost de Valk, Jorge Bernal, Jorge Costa, Joseph Scott, Josepha Haden, Josh Pollock, Joshua Noyce, JoshuaWold, Joy, jsnajdr, Juanfra Aldasoro, Juhi Patel, Juliette Reinders Folmer, Julio Potier, junktrunk, Justin Ahinon, Justin Tadlock, K. Adam White, kafleg, Kailey (trepmal), Kakshak Kalaria, Kamran Khorsandi, karlgroves, katielgc, kbrownkd, Kelly Dwan, Kelly Hoffman, Kerfred, kero, ketanumretiya030, kevIN kovaDIA, killerbishop, killua99, Kjell Reigstad, Knut Sparhell, kokers, Konstantin Obenland, Konstantinos Xenos, kuus, laurelfulford, lbenicio, leogermani, leonblade, lessbloat, Lindstromer, lllor, lordlod, LoreleiAurora, Luan Ramos, luciano-croce, luigipulcini, luisherranz, Luke, Luke Carbis, Luke Cavanagh, m1tk00, maartenleenders, Maciej Palmowski, Mahesh Waghmare, Maje Media LLC, malthert, manooweb, Manuel Augustin, Manzoor Wani, MarcGuay, Marcin Pietrzak, Marco Martins, MarcosAlexandre, Marcus Kazmierczak, marekhrabe, Marie Comet, Mario Aguiar, Mario Peshev, Marius Jensen, Mark D Wolinski, Mark Jaquith, Mark Uraine, Marko Heijnen, Martin Spatovaliyski, Martin Splitt, Marty Helmick, Mary Baum, masummdar, Mat Gargano, Mat Lipe, Mathieu Sarrasin, Matt Chowning, Matthew Boynes, Matthew Haines-Young, matthias.thiel, mattyrob, Matías Ventura, Maxime Culea, Maxime Jobin, maxme, Meet Makadia, mehidi258, Mehul Kaklotar, Mel Choyce, Melin Edomwonyi, meloniq, Michael Arestad, Michael Babker, Michael Nelson, Michael Panaga, michel.weimerskirch, Michiel Heijmans, Miguel Fonseca, Miguel Vieira, mihaiiceyro, Miina Sikk, Mikael Korpela, Mike Auteri, Mike Glendinning, Mike Hansen, Mike Jolley, Mike Reid, Mike Schroder, MikeNGarrett, Milan Dinić, Mobeen Abdullah, Mohsin Rasool, Monika Rao, Monique Dubbelman, Morgan Kay, Morten Rand-Hendriksen, Morteza Geransayeh, moto hachi ( mt8.biz ), mppfeiffer, mrmadhat, msaggiorato, mtias, Muhammad Afzal, Mukesh Panchal, munyagu, mzorz, nadir, Naveen Kharwar, Nayana Maradia, Ned Zimmerman, Neel Patel, Nextendweb, Niall Kennedy, Nick Daugherty, Nick Halsey, nicolad, Nicolas Juen, Niels de Blaauw, Niels Lange, Nikhil Chavan, nikolastoqnow, Niku Hietanen, Nilambar Sharma, Nishit Langaliya, Nitish Kaila, nmenescardi, noahtallen, notnownikki, Okamoto Hidetaka, Omaar Osmaan, Omar Reiss, onlanka, oxyc, ozmatflc, Paal Joachim Romdahl, Paragon Initiative Enterprises, Paresh Shinde, Pascal Birchler, Pascal Casier, patilvikasj, Patrick Baldwin, Paul Bearne, Paul Biron, Paul Schreiber, Paul Vincent Beigang, Pedro Mendonça, pepe, Peter Wilson, PhillipJohn, Pierre Gordon, pikamander2, Pilar Mera, Pinar Olguc, powerbuoy, Pramod Jodhani, Pratik, Pratik K. Yadav, Prem Tiwari, Presskopp, Priyank Patel, Quantumstate, Raaj Trambadia, Raam Dev, raboodesign, Rahul Vaza, Ramanan, Rami Yushuvaev, ramon fincken, RC Lations, rebasaurus, ReikoDD, Remco Tolsma, retrofox, Riad Benguella, Richard Korthuis, Riddhi Mehta, Rishabh Budhiraja, Robert Anderson, Robert Chapin, Robert Ivanov, rogueresearch, Roi Conde, Ronak Ganatra, Ronny Harbich, Roy Randolph, Roy Tanck, Ryan Boren, Ryan Kienstra, Ryan McCue, Ryan Welcher, Sébastien SERRE, samgordondev, Sami Ahmed Siddiqui, Samir Shah, Samuel Wood (Otto), Sanket Mehta, sarah semark, sarath.ar, saskak, sbardian, Scott Reilly, Sebastian Pisula, Seghir Nadir, Sergey Biryukov, Sergey Predvoditelev, sergiomdgomes, seuser, sgastard, Shady Sharaf, Shamim Hasan, Sharaz Shahid, Shashank Panchal, shawfactor, Shital Marakana, siliconforks, simono, sirreal, Sixes, Slava Abakumov, Slobodan Manic, smerriman, snapfractalpop, socalchristina, Soren Wrede, Spectacula, spenserhale, spuds10, Stanimir Stoyanov, Stefano Minoia, Stephen Bernhardt, Stephen Edgar, Steven Word, studyboi, Subrata Sarkar, Sudhir Yadav, Sultan Nasir Uddin, sun, svanhal, Swapnil V. Patil, swapnild, Sybre Waaijer, Sérgio Estêvão, Takayuki Miyauchi, Takis, Tammie Lister, tazotodua, technote, Tellyworth, Tessa Kriesel, them.es, Themezly, Thijs Hulshof, Thomas Kräftner, thomaswm, Thord D. Hedengren, Thorsten Frommen, Thrijith Thankachan, tigertech, Tim Carr, Tim Havinga, Tim Hengeveld, Timothy Jacobs, timph, tmatsuur, tmdesigned, TobiasBg, toddhalfpenny, Todor Gaidarov, Tom J Nowell, Tommy Ferry, Toni Viemerö, tonybogdanov, Tor-Bjorn Fjellner, torres126, Torsten Landsiedel, Towhidul Islam, trasweb, Travis Northcutt, travisseitler, triplejumper12, truchot, truongwp, Tugdual de Kerviler, Tung Du, Udit Desai, Ulrich, Utsav tilava, Vaishali Panchal, vbaimas, Venutius, Viktor Veljanovski, Vishal Kakadiya, vishitshah, vladlu, Vladut Ilie, vortfu, Vova Feldman, vrimill, w3rkjana, Webdados (Marco Almeida), WebMan Design | Oliver Juhas, Weston Ruter, William Earnhardt, William P. Davis, William Patton, withinboredom, worldweb, yanngarcia, Yannicki, yarnboy, yashar_hv, Yoav Farhi, yodiyo, Yui, Yvette Sonneveld, zaantar, zalak151291, Zebulan Stanphill, Česlav Przywara, Айрат Халитов e 水野史土.

Além disso, muito obrigado a todos os voluntários da comunidade que contribuem nos fóruns de suporte. Eles respondem a perguntas de pessoas de todo o mundo, estejam usando o WordPress pela primeira vez ou desde o primeiro lançamento. Esses lançamentos são mais bem-sucedidos por seus esforços!

Se você quiser saber mais sobre o voluntariado com o WordPress, confira Make WordPress ou o blog de desenvolvimento dos arquivos básicos.


Agradecemos por escolher o WordPress!

Pesquisa anual 2019

Chegou a hora da nossa pesquisa anual de usuários e desenvolvedores! Se você é um usuário ou profissional do WordPress, queremos saber o que você pensa.

Leva apenas alguns minutos para preencher a pesquisa (em inglês), que fornecerá uma visão geral de como as pessoas usam o WordPress. Temos o prazer de anunciar que, este ano, pela primeira vez, a pesquisa também está disponível em outros 5 idiomas: francês, alemão, japonês, russo e espanhol. Agradecemos aos voluntários da comunidade que ajudaram no esforço de tradução!

A pesquisa ficará aberta por 4 semanas e os resultados serão publicados neste blog. Todos os dados serão anonimizados: nenhum endereço de e-mail ou endereço IP será associado aos resultados publicados. Para saber mais sobre as práticas de privacidade do WordPress.org, consulte a política de privacidade.

WordPress 5.3 RC4

O quarto release candidate (versão candidata, em tradução livre) do WordPress 5.3 já está disponível!

No momento, o WordPress 5.3 está programado para ser lançado em 12 de novembro de 2019, mas precisamos de sua ajuda para chegar lá. Se você ainda não experimentou o 5.3, agora é a hora!

Existem duas formas de testar o WordPress 5.3 release candidate:

Para mais detalhes sobre o que esperar no WordPress 5.3, consulte a primeira, a segunda e a terceira publicação do Release Candidate.

O release candidate 4 contém três correções de erros para o novo tema padrão, Twenty Twenty (consulte #48450), e aborda os seguintes itens:

  • A biblioteca Twemoji foi atualizada de 12.1.2 para 12.1.3 (consulte #48293).
  • Duas regressões no componente Mídias (consulte #48451 e #48453).
  • Um erro no componente Upload (consulte #48472).
  • Cinco erros no componente Editor de Blocos (consulte #48502).

Desenvolvedores de plugins e temas

Teste seus plugins e temas no WordPress 5.3 e atualize o Tested up to no arquivo readme.txt para 5.3. Se você encontrar problemas de compatibilidade, não deixe de publicar nos fóruns de suporte para que possamos descobrir isso antes do lançamento final.

O guia do WordPress 5.3 já foi publicado detalhando as principais mudanças.

Uma nova nota para desenvolvedores foi publicada desde o lançamento do Guia, falando sobre o uso do filtro “wp_update_attachment_metadata” como um hook de “envio de arquivo concluído”. Os autores de plugins e temas devem ler esta nota e fazer os ajustes necessários para tudo continuar funcionando bem no WordPress 5.3 ou compartilhar as dificuldades encontradas no #48451.

Como ajudar

Ajude a tradução em Português! Ajude-nos a traduzir o WordPress para o português!

Se acha que encontrou um erro, você pode publicá-lo na área Alpha/Beta nos fóruns de suporte (em inglês). Nós vamos adorar ouvir você! Se você se sente confortável para escrever um relatório de como reproduzir o erro, envie para o Trac do WordPress, onde também é possível encontrar uma lista de erros conhecidos.

WordPress 5.3 RC3

O terceiro release candidate (versão candidata, em tradução livre) do WordPress 5.3 já está disponível!

No momento, o WordPress 5.3 está programado para ser lançado em 12 de novembro de 2019, mas precisamos de sua ajuda para chegar lá. Se você ainda não experimentou o 5.3, agora é a hora!

Existem duas formas de testar o WordPress 5.3 release candidate:

Para mais detalhes sobre o que esperar no WordPress 5.3, consulte a primeira e a segunda publicação do Release Candidate.

O Release Candidate 3 contém melhorias na nova página Sobre, correções de erros no novo tema padrão, Twenty Twenty (consulte #48450), e 9 correções para os seguintes erros e regressões:

  • Quatro erros no editor de bloco foram corrigidos (consulte #48447).
  • Três erros relacionados à data / hora foram corrigidos (consulte #48384).
  • Uma regressão em date_i18n() foi corrigida (consulte #28636).
  • Foi corrigida uma regressão de acessibilidade no contraste de cores dos botões primários ao usar esquemas alternativos de cores na administração (consulte #48396).

Desenvolvedores de plugins e temas

Teste seus plugins e temas no WordPress 5.3 e atualize o Tested up to no arquivo readme.txt para 5.3. Se você encontrar problemas de compatibilidade, não deixe de postar nos fóruns de suporte para que possamos descobrir isso antes do lançamento final.

O guia do WordPress 5.3 já foi publicado detalhando as principais mudanças.

Como ajudar

Ajude a tradução em Português! Ajude-nos a traduzir o WordPress para o português!

Se acha que encontrou um erro, você pode publicá-lo na área Alpha/Beta nos fóruns de suporte (em inglês). Nós vamos adorar ouvir você! Se você se sente confortável para escrever um relatório de como reproduzir o erro, envie para o Trac do WordPress, onde também é possível encontrar uma lista de erros conhecidos.

WordPress 5.3 RC2

O segundo release candidate (versão candidata, em tradução livre) do WordPress 5.3 já está disponível!

No momento, o WordPress 5.3 está programado para ser lançado em 12 de novembro de 2019, mas precisamos de sua ajuda para chegar lá. Se você ainda não experimentou o 5.3, agora é a hora!

Existem duas formas de testar o WordPress 5.3 release candidate:

Para mais detalhes sobre o que esperar no WordPress 5.3, consulte a primeira publicação do Release Candidate.

O Release Candidate 2 contém aprimoramentos para a nova página Sobre e 10 correções para os seguintes erros e regressões:

  • Três erros contidos no RC1 no editor de blocos foram corrigidos (consulte #48381).
  • Foi corrigido um erro em que os links nos comentários não obtinham o atributo rel correto (consulte #48022).
  • A string scaled- foi adicionada aos nomes dos arquivos quando imagens muito grandes são enviadas e reduzidas automaticamente (consulte #48304).
  • O layout do grupo de botões foi corrigido no IE11 (consulte #48087).
  • Um erro com metadados de valor booleano false na API REST foi corrigido (consulte #48363).
  • O código de erro encontrado quando a extensão PHP JSON nativa está ausente foi ajustado para ser exclusivo (consulte #47699).
  • Ao enviar arquivos, o suporte ao código de erro HTTP foi expandido para incluir todos os erros 5xx (consulte #48379).

Desenvolvedores de plugins e temas

Teste seus plugins e temas no WordPress 5.3 e atualize o Tested up to no arquivo readme.txt para 5.3. Se você encontrar problemas de compatibilidade, não deixe de postar nos fóruns de suporte para que possamos descobrir isso antes do lançamento final.

O guia do WordPress 5.3 já foi publicado detalhando as principais mudanças.

Como ajudar

Ajude a tradução em Português! Ajude-nos a traduzir o WordPress para o português!

Se acha que encontrou um erro, você pode publicá-lo na área Alpha/Beta nos fóruns de suporte (em inglês). Nós vamos adorar ouvir você! Se você se sente confortável para escrever um relatório de como reproduzir o erro, envie para o Trac do WordPress, onde também é possível encontrar uma lista de erros conhecidos.

Capacitando gerações de nativos digitais

A tecnologia está mudando mais rapidamente a cada ano. A alfabetização digital pode variar entre as idades, mas existem várias maneiras pelas quais diferentes gerações podem trabalhar juntas e capacitar cada uma delas como cidadãos digitais.

Não importa se você é pai, mãe ou responsável, se é professor ou mentor, é difícil saber a melhor maneira de ensinar às gerações mais jovens as habilidades necessárias para ser um excelente cidadão digital. Se você não está confiante em suas próprias habilidades tecnológicas, pode se perguntar como pode ajudar as gerações mais jovens a se tornarem cidadãos digitais mais experientes, mas usar a tecnologia com responsabilidade é mais que apenas habilidades técnicas. Ao colaborar através das gerações, você também pode fortalecer as habilidades de todos os membros da sua família e oferecer um entendimento compartilhado do que a Internet pode fornecer e como usá-la para ajudar seus bairros e a sociedade em geral.

Levando a geração Z além do conhecimento digital

Abra o diálogo

Mesmo se você não estiver totalmente confiante em suas próprias habilidades tecnológicas, poderá ajudar a desenvolver habilidades de cidadania digital em outras pessoas. Se você se sentir à vontade durante as conversas do dia a dia, descreva uma situação técnica que você encontrou e pergunte aos membros da família se eles já experimentaram algo semelhante. Você pode dar a eles a chance de compartilhar como eles lidaram com isso ou como isso os fez sentir. Isso pode ajudá-los a pensar criticamente e a reagir com empatia, e pedir conselhos pode fazer com que se sintam apreciados e capacitados, mas abrir a conversa também pode ser tão simples quanto perguntar se eles viram alguma coisa online ultimamente que acharam interessante ou queriam conversar.

Compartilhe o acesso a treinamentos gratuitos e acessíveis

Os sistemas de gerenciamento de conteúdo de código aberto tornaram a publicação online acessível a um grupo mais diversificado de pessoas. Dezenas de plataformas de conteúdo oferecem treinamento prático gratuitamente ou a baixo custo. O WordPress.tv , o LinkedIn Learning e outros têm bibliotecas de vídeo de baixo custo com milhares de palestras e workshops gravados, e a equipe de treinamento do WordPress possui excelentes planos e materiais de aula para download. Essas plataformas não apenas apresentam conteúdo que ajudam a desenvolver habilidades de criação de tecnologia e conteúdo, mas também informações sobre ética, diversidade e construção de comunidades.

Encontre um senso de comunidade e pertencimento

Uma das desvantagens do aumento da digitalização é que as gerações mais jovens e todos nós, de forma geral, tendemos a passar menos tempo saindo pessoalmente. O tempo digital gasto com outras pessoas não substitui a interação pessoal. A conscientização e a compreensão mútua que surgem da interação entre os dois lados são necessárias para habilidades interpessoais positivas. Isso é difícil de substituir nas comunidades digitais e essas habilidades só podem ser aprendidas com muita prática.

Aprenda os vários benefícios do voluntariado

Existem eventos do WordPress em todo o mundo que oferecem um ótimo lugar para aprender novas habilidades para compartilhar com sua família e amigos. Alguns trabalham com escolas e faculdades para oferecer eventos especiais abertos a todas as idades. Também existem várias maneiras de se voluntariar com o projeto WordPress que pode ser feito em casa para praticar novas habilidades.

Além de participar de eventos onde você pode aprender habilidades e conviver com outras pessoas com interesses semelhantes, o ecossistema do WordPress oferece inúmeras oportunidades para se envolver ativamente. Profissionais, entusiastas e alunos fazem a diferença, contribuindo para a criação contínua da plataforma WordPress. Essas pessoas, juntas, conhecidas como colaboradores, formam a comunidade de código aberto do WordPress.

O WordPress é criado por colaboradores voluntários

Esses colaboradores não apenas estão criando uma plataforma incrivelmente flexível para tudo mundo usar, mas também um ambiente em que você pode continuar aprimorando suas habilidades, tanto técnicas quanto interpessoais. Projetos de software de código aberto podem apresentar pessoas que, de outra forma, não teriam a chance de conhecer, local e internacionalmente. Se você gosta de aprender e de encontrar outras pessoas com quem se conectar, o WordPress tem muitas maneiras de conhecer colaboradores pessoalmente!

Os eventos do WordPress são organizados por voluntários

Os eventos da comunidade do WordPress são feitos por voluntários. Essa pode ser uma ótima maneira de retribuir ao projeto e praticar todos os tipos de habilidades. Converse com a equipe que faz eventos localmente sobre como você pode participar, e se quiser também levar adolescentes mais velhos e adultos jovens. Você não precisará de habilidades técnicas pré-existentes para participar desses eventos, mas elas são uma ótima maneira de descobrir áreas sobre as quais você pode querer aprender mais.

Os dias de contribuição oferecem uma ótima oportunidade para participar

Esses eventos foram projetados especialmente para ajudar você a se envolver na construção da plataforma WordPress de código aberto. Você pode colaborar com outros membros da comunidade e encontrar áreas adequadas para você usar e aumentar suas habilidades. Todas as tarefas que você descobrirá em um evento podem continuar em casa e algumas são fáceis de envolver outros membros da família no aprendizado e na adição de ideias.

Os colaboradores são de todos os tipos, origens e locais. Alguns podem morar perto de você e outros a milhares de quilômetros de distância. Trabalhar ao lado de muitas culturas e países diferentes pode abrir novas ideias para os jovens, permitindo que aprendam novas maneiras de fazer as coisas e descubram perspectivas diferentes. Todas essas perspectivas diferentes podem causar mal-entendidos, mas estar envolvido em uma comunidade global de aprendizado é uma ótima maneira de praticar a comunicação através das fronteiras culturais.

O envolvimento pode ser gratificante de várias maneiras (inesperadas)

A parte mais gratificante de participar ativamente dos eventos do WordPress é fazer amizades. Novas conexões geralmente se tornam amizades duradouras que provavelmente continuarão nos próximos anos, tanto online quanto offline. Com uma comunidade global, essas amizades também podem levar a muitas aventuras internacionais!

Preparando-se para o @WordCampBTN. Tenho minha mochila de 5 kg e minha passagem de ida para Londres em alguns dias. 🤩 O que devo fazer depois? 🙂 pic.twitter.com/cdQqeyNWif

– Sabrina Zeidan vai para #WCKyiv (@sabrina_zeidan) 10 de agosto de 2019

Torne nosso mundo digital mais seguro e inclusivo

Fazer amizade com pessoas de uma grande variedade de culturas e origens pode ser uma experiência enriquecedora. Também pode ajudá-lo a tomar decisões mais informadas. Quanto mais interagimos com uma gama diversificada de pessoas, mais empáticos nos tornamos. Algumas das aprendizagens mais valiosas que podem ser oferecidas à Geração Z (e provavelmente a todos nós às vezes) é que o que encontramos em comunidades digitais nem sempre é a visão completa.

Tudo considerado…

Qualquer pessoa que seja nativa digital pode não precisar de incentivo para obter habilidades técnicas, mas eles podem não estar cientes que as comunidades digitais ainda são comunidades e precisamos usar o mesmo tipo de habilidade das pessoas para locais offline e online. A abertura de conversas sobre situações que eles podem enfrentar online que exija que eles (re)ajam com responsabilidade, pode incentivar a pensar criticamente e agir com empatia. Comparados às gerações anteriores, os nativos digitais passam substancialmente mais tempo sozinhos enquanto usam dispositivos, incentivando a ingressar em comunidades da vida real, como o WordPress, pode ser o primeiro passo para aprender o que significa ser um bom cidadão digital!