WordPress 5.7 Release Candidate

O primeiro release candidate (versão candidata, em tradução livre) do WordPress 5.7 já está disponível!

Junte-se a nós para comemorar este marco muito importante no progresso da comunidade em direção ao lançamento final!

“Release Candidate” significa que a nova versão está pronta para lançamento, mas com milhões de usuários e milhares de plugins e temas, é possível que algo tenha sido esquecido. O WordPress 5.7 está programado para lançamento em 9 de março de 2021, mas precisamos da sua ajuda para que isso aconteça. Se você ainda não testou a versão 5.7, a hora é essa!

Existem duas formas de testar o WordPress 5.7 Release Candidate:

Agradecemos a todos os colaboradores que testaram as versões Beta e compartilharam seus comentários. O teste de erros é uma parte importante do aprimoramento de cada versão e uma ótima maneira de contribuir com o WordPress.

O que há de novo no WordPress 5.7?

  • Visibilidade para pesquisas de imagens e robôs de API
  • Suporte a detecção de HTTPS
  • iframes com carregamento tardio ou “lazy loading”
  • Limpeza do aviso de depreciação relacionado ao jQuery Migrate
  • Padronização da paleta de cores na administração
  • A mais nova versão do plugin Gutenberg

Desenvolvedores de plugins e temas

Teste seus plugins e temas com o WordPress 5.7 e atualize para 5.7 a versão no campo Tested up to do arquivo readme. Se encontrar problemas de compatibilidade, tenha certeza de publicar no fórum para que possamos agir antes do lançamento final.

O Guia final do WordPress 5.7 fornecerá mais detalhes sobre as principais mudanças.

Como ajudar

Ajude a tradução em Português! Ajude-nos a traduzir o WordPress para o português! O lançamento dessa versão também significa que novas strings para a tradução da versão 5.7 serão evitadas.

Se acha que encontrou um erro, você pode publicá-lo na área Alpha/Beta nos fóruns de suporte (em inglês). Nós vamos adorar ouvir você! Se você se sente confortável para escrever um relatório de como reproduzir o erro, envie para o Trac do WordPress, onde também é possível encontrar uma lista de erros conhecidos.

Agradecimentos especiais para @audrasjb pelas sugestões e @davidbaumwald pela revisão final.